Escolha uma Página

Que maravilha poder estar compartilhando com você, dicas, di……caaaaaassssssss de saúde. No mês passado, fiz uma paralisação de postagens sobre meu negócio e investi meu tempo de outubro em ajudar mulheres com diagnósticos de câncer de mama e cólo de útero. Foi simplesmente fantástico. Tive uma experiência muito enriquecedora. Por isso, em função da tamanha gratidão, estou aqui novamente querendo ajudar inúmeros homens que podem estar passando por problemas de câncer de testículo ou próstata.

Na verdade eu quero contar uma história para você. Quem conhece-me, sabe que eu tenho 43 anos, e sabe que a recomendação para nós homens é que visitamos o médico urologistas a partir dos 40 anos. Não se preocupe, não terá TOQUE nessa visita. Foi isso que meu médico disse-me. Parecia que isso aliviaria-me, mas não é bem assim….. Na verdade, ele disse que primeiro precisamos nos conhecer melhor…..isso só estava piorando. Comecei a reparar o tamanho do dedo do meu médico…..Parecia mais um dedo desarticulado, inchado…..fique muito preocupado….. Até que ele disse, bem…..eu gelei, irei prescrever uns exames para ver se tem necessidade de fazer o TOQUE. UFFAAAAAAAAA, tenho chance ainda de escapar. Até que fiz os exames e deram todos excelentes. Mas, ele avisou-me que ficaria tudo bem……

Você pode estar dando risada, mas isso é bem assim que nós homens reagimos quando estamos no urologista….existe um mito violento, piadas, e você acaba sendo vítima de chacotas pelos amigos. Eu passei por isso, mas o pior é que eles também passarão por isso. O que é pior, sempre pelo mesmo médico. Tem alguns que perguntam – “Qual é seu urologista?”Por fim, parece que tudo fica em familia…..e aí, tudo bemmmmmm.

Chega de brincadeira. Quero falar sério com você. Quero dar atenção para um tipo de câncer que acomete somente 5% dos cânceres em nós homens, com uma baixíssima taxa de mortalidade, que é o câncer de testículos. O problema é que por possuir baixa mortalidade, a doença pode parecer mascarada por outros problemas, como inflamações. No entanto, precisamos ficar atentos, se mesmo com medicamento os sintomas não desaparecerem, é preciso voltar ao médico.

Assim como nas mulheres, precisamos fazer autoexames mensalmente. Esse é um método mais usado e seguro, que quando descoberto precocemente a chance de cura aumenta exponencialmente.

O sintoma mais comum é uma tumefação (nódulo), uma porção dura, geralmente indolor, ou seja, não causa dor aparente, com um tamanho de uma ervilha. Pode ter dor, em casos mais agudos quando estiver associada a hemorragia. O nosso maior problema, que muitos homens não tem esse costume de apalpar seu testículo, o correto é fazer isso uma vez por mês sempre depois do banho, porque o calor da água relaxa o saca escrotal e facilita a observação de anormalidades. Melhor ainda se você estiver com sua esposa, sua namorada……fica mais divertido, quem sabe você ganha até um presente.

Muitos homens, não têm costume de depilarem a região escrotal, achando que isso é sinônimo de homemmmmm…….bem, a depilação facilita muito as coisas, porque fica mais evidente os testículos e fácil de fazer o autoexame.

Uma coisa é certa, precisamos nos cuidar mais e mais. Embora não sabemos ainda a causa desse tipo de câncer, é preciso lembrar que possa ter risco associado como: na infância, a descida dos testículos para a bolsa escrotal não ter ocorrido de forma normal. Homens que passaram por isso devem redobrar a atenção, assim como aqueles apresentarem síndromes genéticas raras, ou aqueles que sofreram traumas, ou até mesmo histórico familiar.

Deixarei para você como proceder o autoexame. Gostou???? Se você gostou, envia e-mail para contato@gasparchiappa.com.br, que darei para você um PDF com as dicas, fantástica para você fazer seu autoexame. Escreva no assunto: eu quero dicas do autoexame em homens.

Abraços.